_ TELEFONE: (41) 99685-0693_____________ _E-MAIL: CONTATO@BRUTUSST.COM.BR

Redução de custos com eficiência é foco do próximo ano

O ano de 2017 foi essencialmente de grandes desafios. Apesar disso, os números apontam para um crescimento que deve se solidificar no próximo ano. Porém, é necessário aproveitar esse momento positivo para traçar novas estratégias que visam aumentar a eficiência e reduzir custos. Trazemos hoje algumas dicas!

Com avanços mais acentuados vindos dos setores associados à produção de bens de consumo duráveis e de bens de capital, o setor industrial brasileiro cresceu 1,6% nos nove meses de 2017. Nesse confronto, vale ressaltar a influência da baixa base de comparação, afinal, o total da indústria apontou queda de 7,5% no período janeiro-setembro de 2016.

Entre as atividades, os destaques ficaram com os setores: 

  • Veículos automotores, reboques e carrocerias (14,8%) e indústrias extrativas (6,1%) exerceram as maiores influências positivas na média da indústria;
  • Equipamentos de informática, produtos eletrônicos e ópticos (20,3%), de metalurgia (2,4%), de produtos do fumo (22,9%), de máquinas e equipamentos (2,8%), de produtos de borracha e de material plástico (2,9%), de confecção de artigos do vestuário e acessórios (4,6%) e de celulose, papel e produtos de papel (2,5%).

O estudo é divulgado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), por meio da Pesquisa Industrial Mensal (PIM) e produz indicadores de curto prazo relativos ao setor industrial brasileiro.

Tendências para logística

As novas tecnologias chegaram para impulsionar processos tradicionais, prometendo ainda mais dinamismo, Big Data e segurança. Por isso, além de modernizar o negócio, as inovações garantem vantagens competitivas e redução de custos.

Destacamos algumas tendências que estão ganhando força no setor logístico:

Automatização

Essa questão está relacionada com o uso da integração de sistemas e da substituição de atividades humanas por máquinas. Ela vem para ajudar as áreas de logística a aumentar sua eficiência, melhorar a rapidez de entrega, a precisão, ajudar a diminuir os custos, otimizar o tempo e o espaço, reduzir erros e diminuir a taxa de acidentes no trabalho.

Transportadoras Modernas

Uma tendência que promete se fortalecer são serviços de transportes que contam com a participação de caminhoneiros agregados. Usando aplicativos e geração de dados em tempo real, essa modalidade já tem empresas pioneiras aqui no Brasil.

A Brutus Sustainable Transport, por exemplo, oferece o serviço de Liberação Fiscal (CT-E MDF-E CL-E) de pedágios, pagamentos e seguros dos fretes em um clique. Esse tipo de questão é fundamental para a criação de relatórios específicos onde será possível perceber erros, acertos e criar estratégias ainda melhores.

Além disso, os Caminhoneiros Brutus são treinados, qualificados e capacitados de forma sustentável dentro de um exclusivo clube de vantagens.

Drones

Forte tendência já testada por gigantes varejistas, como a Amazon, a entrega e organização por drones é mais uma tendência que promete reduzir os custos logísticos e ampliar a eficácia da gestão de estoques.

Internet das Coisas

A Internet das Coisas nada mais é do que a integração dos mais variados objetos eletrônicos através de conexão pela internet. Com esse sistema, é possível ter o controle de eletrodomésticos e máquinas industriais por meio de dispositivos como o smartphone, por exemplo.

Essa inovação está ganhando espaço no setor logístico e permite o monitoramento dos processos industriais em tempo real, além de facilitar o controle das etapas logísticas, simplificando a identificação dos status das mercadorias durante o transporte.

Com informações: ADVFN, RoadCard

Deixe uma resposta

Fechar Menu
× Fale conosco!